sexta-feira, 29 de julho de 2011

Capitulo 8

Hello and Sorry... Esta sendo dificil postar esse mes, lembram que antes de começar a fic disse que seria deficil.. pois então!! A casa ta uma bagunça, brinquedo e pregadores (de roupa mesmo) espalhados pela sala, copo de plastico. O motivo, uma priminha minha esta aqui em casa e ela tem nove meses, para não ficar só no colo com ela colocamos varias coisas pra ela brincar, todos os dias... Então eu fico com ela... Me deram o titulo de babysitter dela lol... Mas o mes esta acabando e vou voltar tudo ao normal logo logo.. Me desculpem ok??? xoxo! Agora finalmente o capitulo


 - Ashley onde Vanessa esta? - disse pelo telefone.


Para Zac ficar sem saber de Vanessa era horrível, assim que ela saiu do hospital pensou em ir visita-la, mas imaginou que ela não gostaria da visita. Ele estava conversando com Ashley no telefone que deixou escapar que Vanessa tinha saído de Londres, ela se negava dizer onde Vanessa estava, mas o quanto mais ela negava mais ele insistia. 


 - Ashley pelo amor de Deus, me fala onde a Vanessa esta!!
 - Eu não posso. - disse ela.
 - Porque não?
 - Prometi para ela.
 - Você quer ve-la feliz?
 - Sim, claro, mas...
 - Então me de o endereço.
 - Não. 
 - Ashley por favor, eu faço o que você quizer. 

Ela parou para pensar, tres coisas poderiam acontecer, Vanessa ficar com raiva de Ashley ou Zac e Vanessa ficarem juntos novamente ou Eles brigarem mais ainda... Ela sabia se prometeu a amiga que não iria contar, mas sentia que precisava. Eles precisavam conversar.

 - Não posso. Tenho que desligar - assim que terminou a frase desligou o telefone, porque se continuace naquela ligação acabaria contando.
 - Droga - tacou o celular na cama e pensou em o que fazer - Brittany - pensou, com certeza ela saberia onde Vanessa estava, mas com ela seria mais difícil pegar essa informação, mas o que custava tentar - Oi Brittany
 - Oi Zac, tudo bem?
 - Não muito... Eu preciso de uma informação.
 - Qual? - perguntou sem desconfiar de nada
 - Para onde Vanessa se mudou
 - Ashley - disse pensando logo na amiga - Sinto muito Zac não posso dizer 
 - Brittany você não sabe como eu preciso falar com ela. 
 - Pensasse nisso antes de trair a Vanessa
 - Mas eu não trai a Vanessa - gritou
 - Não é a mim quem deve garantir isso. E a ela.
 - Sim, mas como vou fazer isso se não sei onde ela esta
 - Não sei... Mas não posso te ajudar, prometi a ela. Tenho que desligar vou sair com o Ryan.
 - Ta bem - disse emburrado.


"Onde ela estaria?" - pensou Zac. A ultima pessoa que veio em sua mente foi o empresário de Vanessa, ele concerteza saberia. Será melhor ir lá e falar com ele pessoalmente.


 - Ola.
 - Oi - disse Harry seco - o que faz aqui?
 - Vim te perguntar uma coisa, mas antes quero que prometa que dependendo do que for vai me responder
 - Tudo bem
 - Onde Vanessa esta? - disse Zac


Harry ficou surpreso e logo pensou que se contasse iria trair a confiança de Vanessa, mas do mesmo modo devia contar


 - Não posso 
 - Não tem nada de não poder, eu preciso saber! E caso de vida ou morte
 - Eu não posso, eu não posso fazer isso com elas.
 - Elas??
 - Ops, estou falando de mais.

 - Como assim elas.
 - Ah, e que quando a Vanessa veio aqui falar que ia pra Salinas ela veio com a Ashley - inventou uma mentira, mas logo percebeu que falou onde ela estava. - Ops, Zac me prometa que não vai fazer nada 
 - Isso eu não posso te garantir. - sorriu e saiu correndo dali.


No caminho comprou a primeira passagem para a Califórnia, o voo iria sair as onze da noite, daria muito tempo para pensar em o que dizer a Vanessa. 


Então.. e isso... depois de quase uma semana sem capitulo.. ta ai.. 
E ta uma merda ne???
Desculpem, estou cansada... Mas os próximos vão ser maiores e melhores
10 para o próximo 

terça-feira, 26 de julho de 2011

Sorry

Desculpe gente.. Desculpem pela demora dos capítulos, e também pesso desculpa por hoje não ter capitulo de novo, estou sendo baba da minha priminha de nove meses e agora só estou conseguindo postar isso porque ela esta no meu colo aqui assistindo Mickey Mouse ClubHouse... Então pesso que me desculpe... Logo logo vai ter capitulo..
xoxox

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Selinho

Obrigada a L e Paula que me deram esse selinho.. de fic inspiradora.. Estou muito grata e estou muito feliz por estarem gostando da fic. 
  

  1. Indique 5 blogs
  2. Fale 5 coisas sobre você 
  3. E... responda as seguintes perguntas "Quem inspira você" e "Porque escreve fanfics?"
Antigo Amor


  1. Adoro ler, principalmente livros de misterio, romance policial ou magia... Mas meu escritor preferido é Sidney Sheldon, ele escreve de um jeito otimo, que faz você ficar vidrada na historia.
  2. Adoro crianças... Literalmente, nessas ferias ao invez de não fazer nada como esperava estou sendo babysitter da minha priminha de nove meses. (ela é tão fofinha)
  3. Odeio a escola (nossa que novidade lol)
  4. Adoro jogar Just Dance 2 (Wii) e Mario (Wii)
  5. Odeio o inverno. 
Quem inspira você?
   Bem... tem tantas pessoas. Minha mãe, ela é uma otima pessoa, muito seria as vezes, mas esse é o geito dela (super diferente de mim, que não sou nem um pouco seria, to sempre rindo e fazendo gracinha lol). Vanessa Hudgens, que apesar de tudo pelo que ela passou não abaixou a cabeça... Ao contrario enfrentou e seguiu em frente. 

Porque escreve fanfics?
   Eu sei lá... Começei a escrever por causa de uma prima, ela escreve também e começei a escrever depois.. e gostei, é um modo de fazer novos amigos e de sair um pouco da minha rotinha tediosa.

xoxo

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Capitulo 7

O voo foi longo e tranquilo, Vanessa viajou na primeira classe e tentou dormir maior parte da viajem, outra parte ficou olhando pela janela e lembrando de momento que viveu. O voo era com escala, ela parou em Nova York pegou suas bagagens e seguiu voo a Califórnia. 


 - Vanessa - girou Stella, irmã de Vanessa de 8 anos.
 - Oi Stelinha - disse abraçando a menina
 - Oi minha pequena - disse Greg, pai de Vanessa - o que te trás essa cidade novamente?
 - Ola papai - disse o abraçando - Mamãe não te contou? 
 - E ela lá me conta alguma coisa?
 - Em casa conversamos 
 - Onde esta Zac? - disse perguntando pelo fato de que sempre que Vanessa ia a cidade ia com Zac
 - Nos terminamos - disse indo a caminho do estacionamento. 
 - Porque? - disse Stella
 - Coisas da vida, quando for mais velha vai entender

Ela fez uma careta, e Vanessa riu. Vanessa ajudou o pai a colocar as malas na caminhonete. 


 - Mamãe e Charles estão loucos para te ver. Charles estão tão bonito, ele sempre me conta as novidades suas que passam na TV ou na Internet
 - Charles ainda mora com vocês? - disse lembrando-se o seus segundo grande amor. 
 - Sim, e vive falando de você. Você ainda gosta dele?
 - Como amigo sim, mas o que ouve entre nos naquela época não importa mais. - disse lembrando-se de sua primeira desilusão do amor. - Vamos para a fazenda?
 - Sim, a ideia foi minha, sei como você adora aquele lugar - disse Stella sorrindo. 
 - Só você Stellinha - disse sorrindo também.


Assim que entraram nos arredores da fazenda Vanessa encostou na janela do banco de trás e observou que nada mudou, havia alguns cavalos correndo pelo mato, e um homem montado em um cavalo correndo atas deles. 


 - Aquele é Charles?
 - É - disse Stella.

A fazenda era um lugar otimo, amplo, com muito lugar para cavalgar, um lago, cachoeira e alguns brinquedos que tinha dês de quando Vanessa era uma garotinha. 


 - Aqui não mudou nada não é papai - disse a ele 
 - Verdade


Seu pai, Greg Hudgens era politico, e estava concorrendo a prefeito da cidade. A fazenda era de sua família a mais de cem anos. Claro quando foi comprada ela pequena, aos poucos foram ampliando seus arredores. Vanessa saiu do carro, cambaleou um pouco mais logo poi-se de pé novamente, respirou fundo. Era otimo estar longe da grande poluição de Londres ou Nova York. 
A casa tinha um estilo próprio, pessoas únicas e antigas. Assim que entrou na casa Vanessa deixou a bolsa no chão e correu para abraçar a mãe.


 - Oh minha filha, como você esta diferente. - disse Gina abraçando Vanessa
 - Oh mãe tanta coisa aconteceu - disse abraçando-a de volta.
 - Vem, vamos comer alguma coisa precisa alimentar bem esse bebezinho. 
 - Que bebe? - disse Stella entrando na sala 
 - Nada Stella suba para o seu quarto e vá brincar.
 - A Vane esta gravida? - gritou.
 - Quem esta gravida? - disse Greg entrando na sala com Charles.
 - Stella - repreendeu-a Vanessa 
 - Vanessa você esta gravida? - disse Greg.
 - Estou, de oito semanas.


Greg e Stella ficaram eufóricos com a noticia, Stella teria um(a) sobrinho(a) com quem brincar e paparicar, Charles que não gostou da noticia, a muitos anos escondia um amor por Vanessa. Nunca disse o que sentia de verdade depois que ela foi embora, os sentimentos ficaram guardados e escondidos durante o tempo, mas quando ela voltou apresentando o novo namorado os sentimentos voltaram.

 - O que é, menina ou menino? 
 - Não sei. - disse Vanessa após tomar um gole do café - vou saber daqui duas semanas acho.
 - Que otimo. Vou ter um(a) sobrinho(a) lá lá lá. - cantarolou balançando de um lado para o outro. 


Eles conversaram um pouco, Vanessa depois foi andar pelos arredores da fazenda. Sentia falta daquele lugar, lhe trazia boas lembranças de sua infância...


 - Vanessa, ei espera ai - disse Charles correndo ate ela.
 - Ola Charles.
 - Oi. - disse ele a alcançando. - O que faz andando por aqui nesse horário?
 - Nada só estou afim de pensar
 - Vai ficar por aqui muito tempo.
 - Acho que ate o bebe nascer - disse colocando a mão na barriga
 - Sinto muito por você e ele - disse Charles, ele estava sendo sincero - por mais que não gostasse de Zac, não queria te ver sofrer
 - Aos poucos esquecemos
 - Não, não esquecemos. Um grande amor nunca é esquecido. - disse ele, ele viu que ela abaixou o olhar. - Quer cavalgar
 - Sim - sorriu


Cavalgar era uma das coisas que Vanessa mais gostava de fazer quando ia a fazenda, ela quando tinha nove anos participou de uma competição em Setembro, ficou em segundo lugar

 - Bluberry ainda esta aqui? - disse perguntando de seu cavalo
 - Sim, e muito bem cuidado.


Bluberry era um cavalo carro que Vanessa ganho de presente do avo quando tinha 8 anos. Ele era dócil e amável, mas quando você o trata mal ele se revela. 


 - Não sei se ainda sei fazer isso. - disse Vanessa tentando subir no cavalo.
 - Vem eu te ajudo. - disse rindo
 - Não ria de mim seu idiota - riu 
 - Esta apenas enferrujada só isso. - disse rindo novamente
 - Rá rá rá morri de rir - revirou os olhos 


Eles não cavalgavam rápidos, estavam lado a lado. 


 - Desculpe perguntar, mas você ainda gosta dele?
 - Não quero responder isso agora - disse calma


Aquele não era o momento adequado para lembrar-se de Zac, estava bem longe dele e é assim que queria estar. 


O que acharam????
Podem ser sinceros!!
10 Comentários para o próximo
xoxo 

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Capitulo 6

Vanessa foi liberada duas horas depois, estava tudo em perfeito estado com ela e com o bebe. Para ela era inevitável pensar naquele pequeno ser que crescia dentro dela e do mesmo modo que era inevitável pensar em Zac. Muitas vezes no decorrer da semana pensou em ir falar com ele, sempre tomava coragem e voltava atrás. 


 - Não eu não vou falar com ela - disse a si mesma quando a ideia de ir conversar com ele veio a sua cabeça pela milésima vez aquele dia - O que ele fez não tem volta, ele me traiu - disse quase começando a chorar - Chega já disse que não vou mais chorar por esse idiota.


Ela foi procurar alguma coisa para fazer, então decidiu que quanto mais rápido saísse de Londres melhor seria para ela - era o que ela achava. Tomou um banho, colocou um jeans, uma regata, botas UGG e um casaco burberry. 


 - Vanessa o que aconteceu com você naquele dia do desfile? Você esta bem? Porque não me ligou?
 - Calma, eu estou bem, foi apenas uma totura.
 - Mas tem certeza que esta bem?
 - Estou, descançei bem nessas ultimas semanas. 
 - Mas o que te tras aqui.
 - Vou me mudar para a California
 - O que? - girtou - Porque?
 - Eu estou gravida
 - Oh meu Deus, serio.
 - Sim, eu já sabia antes do desfile, mas prefirir não contar pra ninguem. Então, vou morar com a minha mãe em Salinas, lá é tranquilo e poderei cuidar do meu filho em paz.
 - Tem certeza disse?
 - Tenho.


Harry compreendeu bem, ela queria paz e tranquilidade o que Londres não iria trazer para ela.


 - Só mais uma coisa.
 - Hum?
 - Quem é o pai? - Vanessa abaixou o olhar e depois olhos para ele - Oh, Vanessa você tem que falar pra ele. Ele tem todo o direito. - O olhar que ela fez deixou claro que era Zachary
 - Eu sei, mas se eu falar e logico que ele vai querer pegar essa criança de mim. E eu não vou deixar
 - Mas
 - Nada de mas, eu já me decidir, é isso que vou fazer, talvez conte... um dia, mas hoje não. 


Depois daquela conversa com Harry, Vanessa ligou para a mãe, contou tudo o que estava acontecendo e os motivos por estar desistido do que mais amava, ela compreendeu bem, e como toda mãe disse que ela seria bem acolida em casa. 
Vanessa não ia a Salinas a mais de quatro anos, não gostava muito da cidade, mas ia lá apenas para visitar os pais que se recusavam a sair de lá. O bom da cidade é que não era uma cidade muito grande, as pessoas eram simpaticas, tinha otimos lugares para ir, alem de que Vanessa adorava ir a fazenda dos pais que ficava à uma hora e meia da cidade. 
As proximas a receberem a noticia foram Ashley e Brittany.


 - Vane não, fique! - disse Brity
 - Não posso, sera melhor lá do que aqui. 
 - Vanessa você não pode fugir dos problemas. 
 - Não estou fugindo, só estou dando umas ferias deles. 


Ashley e Brittany não gostaram nada de saber que Vanessa iria se mudar, iriam sentir muita falta de Vanessa, das palhaçadas, das noites acordadas ate tarde fofocando, mesmo sendo adultas e com responsabilidades as vezes ainda agiam como tres adolecentes. 


 - Quando você vai? - disse Ashley
 - O voo esta marcado para amanha as 22:00
 - Ei ainda há tempo para desistir - disse Brittany


Conversa vem, conversa vai... Elas conversaram sobre tudo, sobre o passado, presente e futuro.


 - Mas quero que me prometam uma coisa.
 - Qualquer coisa - disse Ashley e Birttany juntas
 - Não vão contar pro Zac onde eu estou. 
 - Tudo bem - disse Brittany - olha estou fazendo isso por você e pelo meu subrinho. 
 - Ta - disse meio pensativa
 - Pode deixar que eu vigio a boca da Ashley
 - Minha porque? - disse colocando a mão na boca
 - Você não sabe guardar segredo Ashley - disse Vanessa rindo
 - Sei sim, e vou provar pra vocês - disse emburrada


O que acharam???
Gostaram??
Comentem!! E não esqueça de votar!!
10 comentarios
xoxo

L: a V na historia é muito cabeça dura, e nessa hora de ir exclarecer as coisas ela é orgulhosa de mais, sempre acha que esta certa.. mas quem sabe isso não pode mudar?

Enquete

Hello.. Eu fiz duas novas enquetes, uma para saber a opnião de vocês sobre Don't You Remember e a sugunda para saber a opnião de vocês sobre o sexo do bebe da Vane.. Votem..
xoxo 
ps: daqui a pouco tem capitulo

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Capitulo 5

 - Bebe?
 - A senhorita Hudgens esta gravida de oito semanas.
 - Vanessa, você esta gravida de dois meses?
 - É - sorriu inocente
 - Porque não me disse.
 - Eu não disse pra ninguém, e se contasse aposto que ia correndo contar pro Scott e sei muito bem que ele não é um dos melhores pra guarda segredos então iria logo dira ao Zac.
 - E do Zac? - quase gritou
 - É - disse em voz alta - Infelizmente - murmurou entre os dentes
 - Vany, você precisa conversar com ele - disse se sentando ao lado dela.
 - Não vou falar com ele e ponto final - disse com raiva
 - Mas...
 - Nada de mas, eu não vou falar e pronto - cruzou os braços - De que lado você esta? Do meu ou do dele? - disse emburrada
 - Nenhum, Vanessa não existe nada disse de lado, sou amigo dele quanto seu e acho que se ele realmente te traiu ele fez errado, e muito, mas você também devia dar-lhe uma chance de se defender.
 - É vejo que esta do lado dele - disse em tom baixo, e com raiva - Posso ficar sozinha? 
 - Claro.

Assim que Ashley fechou a porta Vanessa desabou em lágrimas, não queria chorar, mas estava impossivel segurar esse choro. Passou a mãe na barriga e murmurou:

 - A mamãe vai sair daqui logo logo meu bem, e depois vamos para bem longe... Agora vamos ser apenas eu e você.

As lágrimas eram muitas e parecia que a cada lágrima que rolava uma lembrança vinha à tona.
 Dezembro de 2005

 - Me desculpe - disse um rapaz adorável, de cabelos castanho e olhos azuis mais lindo que Vanessa viu na vida
 - Ah, tudo bem - disse olhando bem nos fundos daquele olhos.
 - Hei, você não é filha de Greg Hudgens?
 - Sou, mas quem é você?
 - Zac Efron, não se lembra?
 - Desculpa mas não.
 - Ah tudo bem - disse ele um pouco decepcionado
 - Me desculpe, realmente não lembro, mas se nos nós conhecemos me liga qualquer dia desses - disse entrando um cartão.

Julho de 1995.

 - Vamos Zac - disse Vanessa correndo para a agua.

Zac e Vanessa de fato se conheciam dês de 1995, quando Vanessa tinha 7 anos e Zac 8. Gina e Starlla eram amigas dês de muito tempo, mas não se viam a muitos anos. Se reveram no verão daquele ano em Miami.

 - Zac - disse esticando a mão para ele.

Dias depois.

 - Isso esta bom, quer? - disse ela oferecendo um pouco de seu sorvete a ele.
 - Não.
 - Hum, esta perdendo.
 - V posso te perguntar uma coisa?
 - Pode. - disse colocando uma parte do cabelo para trás.
 - Você já amou? 
 - Bem, eu amo a mamãe e o papai - disse sorrindo
 - Não tipo, ah esquece. - disse um pouco tímido

Eles ficaram em silencio durante um tempo, ate que Gina chamou Vanessa para irem para casa

 - Eu te amo Zac - ela sorriu e deu um selinho nele e saiu correndo.

Para Vanessa eram muitas lembranças, umas mais fortes que outras, sua vontade naquele momento era de parar com tudo aquilo, mas era impossível. A enfermeira entrou no quarto e viu Vanessa chorando, primeiro achou que ela estava sentindo alguma dor, em segundou que algum a ameaçou ou disse que iria mata-la e em terceiro que alguém muito próximo morreu.

 - Esta tudo bem?
 - Sim. - disse com dificuldade devido ao choro.
 - Quer conversar

Ela negou, apesar de querer, queria que alguém apenas escutasse-a sem dizer nada, sem dar concelhos nem nada.

 - Quando vou poder ir para casa?
 - Vou ver com o medico, um estante.

O medico disse que ela já estava melhor e que iria fazer uns exames e logo logo ela iria ser liberada.

Hoje quase não teve capitulo.. fiquei hoje atoa a tarde toda esperando o decimo comentario, e graças ao anonimo hoje teve capitulo.
O que acharam...?
Podem falar ok?
xoxo
lembrem-se 10 comentarios para o proximo

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Capitulo 4

Na véspera do desfile Vanessa não estava se sentindo muito bem, "deve ser da gravidez" pensou, de fato era, estava com enjoos, dores nas costas e com muita vontade de comer chocolate.
Não queria enfrentar aquela gravidez sozinha, mas era orgulhosa de mais para escutar o que Zac tinha a dizer.

No dia seguinte... O dia do desfile, passou o dia arrumando cabelo, ensaiando e mais.

 - Vanessa querida o que é isso? A roupa estava perfeita porque não esta mais? - disse ele chegando perto dela. Ela por sua vez não gostou nem um pouco do comentário de Herry - Conte para mim, andou comendo uns hamburguers escondidos?
 - Não, eu não comi hamburguers.
 - Ou pizzas?
 - Não, que droga. - disse com raiva.
 - Vamos logo com isso - disse o assistente

Eles conseguiram fechar o feixo do vestido, sua barriga de oito semanas estava pouco visível no vestido, o problema para fechar a roupa foi nos seios, eles cresceram um pouco mais. Pouco antes de entrar na passarela disse ao assistente, Jack.

 - Não estou me sentindo muito bem.
 - Não importe, vamos, vamos é sua vez. - disse quase empurrando-a para a passarela

É claro que ela não estava bem, o vestido estava apertando, mal conseguia respirar, o salto estava matando seus pés e suas costas e alem estava sem comer o dia todo.
Tentou fazer seu trabalho direito, apareceu na passarela sorrindo e saiu sorrindo. Respirou aliviada ao tirar a roupa, mas para seu azar teria que colocar outra e para piorar dava para perceber a pequena ondulação em seu ventre.

Zac estava lá, no cantinho assistindo tudo, sorriu por ver ela sorrindo. Assustou ao ver ela parar na metade da passarela.
Sua visitar começou a ficar preta, era como se tivessem apagado todas as luzes que iluminavam o local. O Assistente, Jack percebeu que ela parrou

 - Vanessa vamos, vam...

Antes que ele pudesse terminar o segundo vamos Vanessa tinha desmaiado, todos se levantaram assustados, Zac saiu do lugar que estava passou entra a multidão que estava em volta dela e disse:

 - Vanessa meu bem acorda. - disse segurando as mãos dela.
 - Oh meu Deus. - disse Ashley pegando o celular para ligar para a emergência.

Zac acompanho Vanessa ate o hospital, levaram ela para uma sala, ela ainda estava inconsciente. Zac ficou com Ashley na sala de espera.

 - Fique calma, esta tudo bem com ela.
 - Tomare - disse tomando mais um gole do café.

Quinze minutos depois o medico apareceu na sala.

 - Então doutor como ela esta? - disse Ashley
 - Ela esta bem, já acordou, ela teve apenas queda de pressão, o vestido que ela usava era apertado e causou-lhe falta de ar também... - ele fez uma pausa e Zac interrompeu-o
 - Eu vou embora, acho que ela não gostaria de me ver.
 - Mas...
 - É melhor Ash. Me de noticias depois.

Zac se despediu dela e do medico, logo depois Ashley entrou no quarto.

 - Vane que susto você me deu - disse sentando do lado da amiga - Não só em mim, mas em todos lá.

Vanessa sorriu sem graça.

 - Não aconteceu nada de mais grave por sorte, teve apenas uma tontura, falta de ar e queda de pressão, mas pode ficar tranquila que nada disse afetou o bebe.
 - Bebe? - gitou Ashley.

Ok gente vou continuar.. :)
Hehe.. agora sim Ash vai saber que a V esta gravida.
Estão gostando??
xoxo
REMEMBER: 10 COMENTARIOS 

domingo, 17 de julho de 2011

...

  Bem.. Sabe o que que é gente??? Não estou muito animada, estou muito cansada - não sabem como. Eu não quero parar de escrever mas não estou mas com o mesmo animo de antes...
  Em primeiro lugar quero saber se estão gostando da fic ou se querem outra??

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Desculpas

   Me perdoem pela demora, sei que nesses ultimos dias venho pedindo desculpas de mais.. ne?? Mas não estou conseguindo tempo pra postar, na quarta sai com minha prima, minha tia e a fofinha da minha priminha, ontem passei mal - quase desmaiei atravessando a rua, estava morrendo de dor de cabeça, com febre... muito mal mesmo, tanto que passei o dia deitada dormindo... - hoje não estou muito diferente de ontem, estou ainda com muita dor de cabeça, estou pessima...
   Vocês compreendem nee?? - estou quase me matando pra vim aqui me explicar.
   Vou fazer de tudo pra postar amanha, mas não garanto nada.
   Xx Mady

terça-feira, 12 de julho de 2011

Capitulo 3

Eu sou o ser mais enrrolado do mundo ne?? Desculpem a demora!!
Agora Finalmente o capitulo

   As semanas foram passando, Vanessa estava entrando na oitava semana de gravidez, estava a menos de uma semana do desfile. Dependendo das roupas que usava dava para perceber uma pequena ondulação em sua barriga, mas no frio que estava fazendo, ninguem iria perceber graças aos casacos.
  Depois que o desfile terminasse iria para bem lonje dali, um lugar onde poderia criar seu bebe com paz e tranquilidade.

 - Vamos Vane - disse Ashley
 - Estou indo. - ela pegou seu casaco e cobriu-se - Calminha ai, o shopping não vai sair do lugar - riu
 - Ninguém garante.

   Ashley não sabia que Vanessa estava gravida, porem desconfiava que tinha algo de estranho com a amiga. Mas não sabia o que!
  A ida ao shopping é sempre a mesma coisa, fotógrafos e fãs as seguindo, compras e mais compras, a maioria das roupas de lojas caras e de grifes como: Burberry, Armani, Chloe, Hermes, Gucci, Ferni, Prada e muitas outras. 
  
  Elas estavam sentadas em um café, Vanessa estava tomando apenas um café, em quanto Ashley comia um bolo de baunilha. 

 - Hei aquele não é o Zac - disse mostrando há Vanessa o rapaz em frente a loja - Hei, desculpe. - disse assim que percebeu que Vanessa abaixou o olhar - Eu não queria, juro.
 - Tudo bem Ash, a culpa não é sua.
 - Já conversou com ele? 
 - O que há pra conversar Ashley? Ele me traiu...
 - Mas talvez...
 - E se o Scott tivesse te traído? 
 - Eu matava ele - disse ela
 - Pois é. - Vanessa suspirou e disse - Eu vou embora. 
 - Ah, porque?
 - Estou cansada, preciso descansar.
 - Tudo bem. Te ligo mais tarde

  Vanessa se despediu de Ashley, pegou algumas de suas sacolas e foi em direção a saida... Mas no caminho parou em uma loja, Ralph Lauren Baby.
  Vanessa estava na vitrine observando a variedade de casacos, vestidos, jeans, sapatinhas... Todos adoráveis. Comprou quatro pares de meia, varios paganzinhos em cor branca, não se contentou apenas com isso e comprou alguns vestidinhos, mesmo sem saber ser era menino ou menina.
 
  {...}

Desculpe, não esta muito grande ne??
Mas ai esta o capitulo!!
Amanha tem mais
xoxo
ps: lembre-se 10 comentarios

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Me explicando..

Lembram que quando eu disse que iria fazer uma nova fica dissse que esse mes está apertado pra mim... Pois então.
Eu sei que ontem era pra ter um capitulo, mas toda vez que eu entrava no blog dava erro, reniviei o computador varias vezes, e nada do blog parar de dar erro e alem do mais eu acabei desistino de tentar escrever.. porque só dava, erro, erro, erro e mais erro.
Desculpem.. Se hoje tiver capitulo vai ser so mais tarde!!
(não garanto nada, mas acho que vai ter sim)

xoxo

sábado, 9 de julho de 2011

Desculpa

Hoje não vai da pra postar... Desculpe.. De manha estava fazendo minha unha, cheguei em casa e sai com a minha mãe e minha priminha... Ainda não estou em casa e não tenho hora prevista pra voltar..Desculpe (Estou no celular)..
Amanha sem falta tem capitulo
xoxo

Divulgação

Esses são os blogs da Taty.. São otimos passem lá
Amor Impossivel
Querido Diario
xoxo

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Capitulo 2

  As lembranças também vinham a cabeça de Vanessa, eram muitas. Zac e Vanessa se conheceram atravez de Ashley, em um aniversario tres anos e meio atrás. Pode dizer-se que foi amor a primeira vista, no dia Vanessa usava um mini vestido Burberry e sapatos de salto Jimmy Choo. Zac usava um terno Armani. 
  Naquele momento nada importava, apenas o agora. Durante os dias seguinte viam-se frequentemente, iao ao parque, ao shopping, a praia... E depois de dias saindo juntos Zac finalmente tomou a iniciativa... e depois disse começaram a namorar 

  Vanessa estava deita na cama, enrolada nas cobertas, tomando seu cappucino e comendo chocolates. Ela passou a mão na barriga, qual seria o sexo do bebe? Com tanto que visse com saúde. Mas ela tinha sim sua preferência, preferia uma menininha, para que pudesse mima-la com muitos vestidos, sapatilha, batas, bodysuits e acessórios para o cabelo. Mas claro que visse menino iria ser amado da mesma forma.
  O telefone tocou, olhou no visor e era Hanne. Vanessa pensou "como essa falsa pode me ligar apesar de tudo que fez?"

 - O que foi? - disse Vanessa assim que atendeu o telefone
 - O que foi digo eu, nem sei o que fiz pra você.
 - Então quer que eu te diga?
 - Sim
 - Você fez nada mais nada menos que estragar a minha vida.

  Vanessa desligou logo em seguida. As lágrimas voltaram... "Como ele pode ter feito isso comigo?, ele disse que me amava"... Vanessa se levantou e prometeu a si mesma, pela décima vez que não iria mais chorar por causa de Zac Efron. Foi ate o guarda-roupa tirou uma caixinha, e dentro da mesma havia fotos, ela pegou as que pode e colocou dentro do lixo, apartir de agora aquela era a nova fase de Vanessa Hudgens.
  O próximo passo agora, era se livrar do resto das coisas que a lembrava de Zac, como o anel de compromisso o qual usavam. Ela pegou sua bolsa, a carteira, as chaves do carro e foi para a casa de Zac.

 - Oi. - disse ela.
 - Oi - disse ele um pouco desanimado.
 - Isso é seu. - disse entregando um envelope pra ele.
 - O que é isso? - ele abriu e disse: - Vanessa, não.
 - Desculpa Zac, eu não queria mas não da mais pra continuar. Você sabe como doi pra mim saber que você dormiu com a minha melhor amiga?
 - Eu não dormir com a Hanne.
 - Quem garante?
 - Acredita em mim. - disse segurando o rosto dela.
 - Sinto muito - ela deixou algumas lágrimas escaparem.

  Vanessa saiu de lá para não desabar novamente. Ficou andando pelas ruas encolhida, entrou em um café, pediu um café forte e ficou bebendo pequenos golinho.
  Estava tão pra baixo que aquela nem era a Vanessa Hudgens que conheciam, parecia outra, não ia mais em festas, não ia ao shopping e fica apenas deitada na cama se lamentando por algo que não poderia ser mudado.
  Na rua algumas pessoas a reconheciam, fotógrafos também, mas todos percebiam que havia algo errado. Seus olhos estavam inchados de tanto chorar, estava com olheiras, pálida...

  Assim que Vanessa saiu, Zac pensou "Eu a perdi novamente". Sim novamente. Quando estavam quase completando dois anos de namoro, uma pequena discurção fez com que terminassem por seis meses. Aqueles foram os piores dias da vida de Zac.
  Ele olhava para o anel que estava encima da mesa, lembra-se bem da ocasião a qual deu o anel a ela. Foi em uma viajem para o Havai, eles já namoravam, mas era apenas para oficializar.

  O que faria daqui em diante?
 
{...}

Estão gostando??
Lembrem-se 10 comentarios
xoxo

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Capitulo 1

January 2010, Londres.
   Aquela era uma das piores epocas da capital Londrina, inverno, havia nevado na noite anterior, fez um frio de menos onze graus. Vanessa estava na cidade para particiar de um desfile que aconteceria em Fevereiro. Passou o natal e ano novo com os amigos em uma festa restita a poucas pessoas.
  Naquela manha Vanessa estava indo a cafeteria, a famosa Starbucks. Ela era louca de infrentar o frio daquela manha para ir apenas comprar um café e alguns cupcakes.
  Mas para seu azar, aquela não seria uma manha de sorte. Encontrou a pessoa quem menos queria encontrar.

 - Oi - disse ele.
 - Oi - disse ela apenas por educação.
 - Vanessa vamos conversar.
 - Eu já disse que não, o que você fez não tem volta Zachary

   Zachary era namorado de Vanessa, ou melhor ex-namorado. Eles terminaram pouco antes do ano novo, o motimo, nada mais, nada menos que uma traição, coisa que Vanessa considera imperdoavel, e ainda mais com uma de suas amigas, ou pensava que Hanne era sua amiga.

 - Posso esplicar
 - Mesmo que possa, eu não quer saber.
 - Aqui esta senhorita - disse a garçonete.
 - Obrigada. - disse educadamente à moça - Ate nunca mais.

  Vanessa saiu da caféteria, Zac saiu atras dela, ele puxou-a pelo braço e a beijou. Vanessa o cair em si, livrou-se dos braços de Zac, deu um tapa em seu rosto e disse:

 - Não quero te ver nunca mais, nem pintado a ouro, porpurina ou com lantejolas.

  Ela saiu dali furiosa e ele ficou ali, acabado. Todas as chances que tinha de reconquistar Vanessa se foram, não havia mais esperanças.
  Assim que chegou em seu apartamento Vanessa correu para o quarto, jogou-se na cama e começou a chorar. Era impossivel esconder seus sentimento de Zac, ainda mais agora, teriam um filho juntos. Ela não disse à ele e nem dira. Criara aquela criança sozinha, igual sua mãe à criou.
  Zac chegou em seu apartamento e lá estava Hanne o esperando.

 - Ola querido - disse ela
 - O que faz aqui?
 - Vim te fazer uma surpresa.
 - Pessima surpresa - sussurrou.
 - O que disse?
 - Nada. Hanne, sinto muito, sua compania é otima, mas presciso ficar sozinho - disse colocando porta à fora.
 - Mas...

Ele fechou a porta na cara dela, precisava daquele momento sozinho, queria pensar, chorara talvez e relembrar os bons momentos vividos. Ele ligou a tv, o dvd...

4 de Julho, 2010 (nota: tudo aqui que estiver me negrito são lembranças)
 - Não. - gitou Vanessa correndo de Zac.

  Aquele video era do 4 de Julho de 2010, o ano mais feliz de sua vida, tudo estava completo, ele e Vanessa estavam mais felizes que nunca... Mas dizem que tudo que é bom dura pouco, Hanne apareceu, uma amiga de infacia de Vanessa, logo começou a dar em cima de Zac as escondidas, ele sempre corria - sentido figurado - ou fugia dela, o que não queria era problemas com Vanessa.

 - idiota - disse ele em tom de brincadeira.

  Eles estavam correndo um atras do outro na cena, estavam na praia, não demorou muito ele a alcançou, eles cairam no chão e ele a beijou.

Aniversario de Vanessa, 2009.

  Naqela manha Zac e alguns amigos de Vanessa, como Ashley, Scott, Ryan e Brittany estavam em sua casa, sem que ela soubesse, Zac estava com uma bandeja com um bolo escrito "Feliz Aniversario" e com uma vela do personagem da Disney preferido de Vanessa, o Mickey. Eles começaram a cantar parabens e ela acordou, ele colocou a bendeja na frente dela, ela fez um pedido e assoprou a vela...

  Aquilo agora era apenas lembras... lembranças que jamais voltariam.

 {...}

Hello!!
Essa é minha quinta fic.. Ual! lol!
O que acharam do primeiro capitulo?
Se não gostarem pordem falar!
10 Comentarios para o proximo
xoxo

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Don't You Remember

"Quando eu vou vê-lo novamente?
Você se foi sem Adeus, nenhuma palavra foi dita
Nem um beijo de despedida para selar nada"

 - É a melhor coisa a fazer - disse a um amigo
 - Não, não é, você acha que é, mas não é.
 - Ela ficara melhor sem mim, já me decidi

"Quando foi a última vez que você pensou em mim?
Ou você me apagou completamente da sua memória?"

 - Esta pensando nela? - disse Hanne
 - Não - mentiu

"Muitas vezes penso sobre onde eu errei,
Quanto mais faço, menos eu sei."

 - O que eu fiz de errado? Não sei. - lamentava ela.
 - Você não fez nada, ele foi um idiota a fazer o que fez
 - O idiota que eu amo - olho para o ceu.

"Eu espero que você encontre a peça que faltava
Para trazer você de volta para mim."

 - Eu te amo - gritou ela.

Ele se virou, a chuva ficava cada vez mais forte, as legimas dela se misturava com as gotas da chuva, ele se aproximou dela, aquele era o momento de voltar atras, começar de novo...

 - Eu também te amo

{...}


Ps: O que estiver em negrito é a letra da musica, e o que estiver apenas em italico é parte da historia.

Ps²: Musica: Don't You Remember - Adele
Ps³: Descupem a demora, minhas primas tão aqui... tem mala espalhada, caixas, MUITOS brinquedos de baby... e MUITO BARULHO.. Sorry. 

Sobre nova fic...

Bem.. pelo que vi nos comentarios vocês querem outra fic? Não é? Pois bem... Eu já começei a escreve-la - só tem o primeiro capitulo - eu quero postar, mas esse mes esta um pouco apertado pra mim, a casa esta uma zona, malas, bolsas e caixas espalhadas para tudo quanto é lado... Mas vou fazer o que puder pre postar..
Daqui a pouco um pequeno resumo e o primeiro capitulo (talvez só amanha).

obs: ela se chamará, Don't You Remember (Você não se lembra)
obs²: não me pergunter do porque desse titulo, ouvi uns meses atras uma musica da Adeles, chamada Don't You Remember e a letra me inspirou para a historia.

terça-feira, 5 de julho de 2011

Capitulo 18

Vanessa se agachou perto dele, tirou o corpo de Alex de cima de Zac, e viu então que ele estava bem, segurou o rosto dele e disse:

 - O que você estava pensando hein? Você poderia ter se machucado mais. Ficou louco?
 - Acho que um obrigada seria otimo - ele riu da preocupação dela
 - Obrigada - ela sorriu
 - Você esta sangrando.
 - Ah, isso não é nada - escondeu a dor.

Logo depois os policiais entraram na casa, ajudaram Zac e Vanessa. Levaram eles para a ambulância. O para medico limpou os ferimento de Zac e depois o corte de Vanessa, era um corte feio, profundo, mas não seria necessário dar ponto, iria sicatrisar normalmente, ela teria apenas que tomar cuidado, tocar o curativo todos os dias.

 - Você esta bem? - perguntou Megan.
 - Sim. Obrigada, por ajudar a Zac.
 - De nada, acho que estava na hora de mudar de lado
 - Achei otimo - brincou.

Megan se afastou deles logo que Zac chegou

 - Alex esta morto
 - Sinto muito.
 - O importante é que você esta bem - ele beijou sua testa

Finalmente acabou, quase tudo bem... Os policiais levaram Zac e Vanessa para casa, os pais de Vanessa não sabiam do ocorrido, nem os de Zac, muito menos os de Alex, que ficariam chocados com a noticias. Assim que Vanessa chegou em casa as perguntas começaram.
Eles explicaram todo o ocorrido e eles logo deram graças a Deus por eles estarem bem. Depois seria a vez de contar para os pais de Alex, eles concerteza não iriam aceitar a realidade. A mãe dele, Scarllet ficou negando, e disse que o filho logo entraria por aquela porta, o que não iria acontecer.

Dias mais tarde foi o enterro de Alex, Zac e Vanessa estavam presentes, Megan e Katerinne também. Aquele foi um momento difícil para Zac, ver seu melhor amigo ser enterrado, era prefirivel que Alex estivesse ali ao seu lado. Mas não.
Scarllet não acreditava no que via, aquilo para ela era um pesadelo, seus olhos estavam inchados de tanto chorar. Alex de fato não era uma má pessoa, mas o ódio e o rancor subiu-lhe a cabeça.

Os dias foram passando... As coisas foram voltando ao normal. Quase tudo, Zac e Alex nunca mais iriam à praia juntos. Naquela manha Zac estava sentado onde ele e o amigo sempre ficavam, Vanessa de longe o viu e foi ate ele.

 - Oi. - disse ela
 - Oi.
 - Você sente falta dele, não é?
 - É.
 - Mas pensa o seguinte, agora ele esta em um lugar muito melhor que esse.
 - Talvez.

Vanessa encostou a cabeça no ombro dele e ficaram ali olhando o por do sol. O importante naquele momento não era o amanha ou o ontem, mas sim o agora!

THE END

O que acharam?? :D
Comentem
xoxo

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Capitulo 17

Na noite daquele mesmo dia... Estava tudo calmo na casa, Vanessa estava olhando para a janela esperando ansiosamente esta livre dali, Megan estava sentada lendo a revista Elle, Alex estava cortando uma fruta, Zac estava a menos de três metros da casa. O local estava cercado de policiais, um deles disse.

 - Saiam com as mãos para cima.

Vanessa logo sorriu, seu amado estava lá fora, Megan tentou reagi do mesmo modo que Alex para não deixar trasparecer nada.

 - Droga - ele se aproximou de Vanessa - Se me prenderem eu te mato.

A faca com qual ele cortava a fruta colocou bem perto do rosto de Vanessa, um calafrio percorreu sua espinha e ela tentou afastar o rosto. Ele cortou a corda que a amarrava e a puxou.

 - Reze para nada acontecer - disse ele no ouvido dela. - Não gostaria de mata-la.

A policia disse que se eles não saíssem iriam invadir o imóvel e seria pior. Megan saiu pelos fundos e ficou ao lado de Zac.

 - Não tem como fugir - disse um dos capanga (chamado agora de Thing 1) - Eles cercaram a casa
 - Idiotas. - disse Alex - Seu namoradinho acha que vai conseguir te salvar. Impossível.
 - Alex, podemos negociar.
 - Você acha? Assim que eu sair dessa casa com você vão começar a atirar ou vão me prender
 - Por favor - disse meio a lágrimas e começavam a cair assim que sentiu a faca encostando sua pele.

Primeiro saiu o Thing 1 e Thing 2 (Coisa 1 e Coisa 2 - não estou com tempo para pensar em nomes e caracteristicas para eles ok??). Eles então ao verem a quantidade de policia que estava ao redor da casa de rendera, colocaram a arma no chão e colocaram a mão na cabeça, logo foram detidos e colocados dentro da viatura.
Alex ainda estava la dentro com Vanessa, ele mantia presa contra seu corpo a ameaçando com a faca, Zac então vendo que ele não ia sair da casa por vontade própria, pegou uma arma que estava no banco de uma das viaturas, verificou se estava carregada - talvez fosse nescesario, apenas pro precaução - e correu ate a casa.
Alguns policiais gritaram para que ele voltasse, mas ele continuou, entrou pelos fundos, Alex estava de costas para ele, Zac colocou a mão em seu rosto e o puxou, com o movimento ele soltou Vanessa, mas como a faca estava na altura dos seios fez um corte em seu braço assim que ele soltou-a.

 - Bravo, você daria um belo Romeu, salvando sua Julieta. - debochou. 
 - Romeu morreu junto a Julieta em um pacto você devia saber.
 - Foda-se. - disse Alex com muita raiva.

Vanessa saltou um pequeno gemido assim que colocou o pano para párar o sangramento. Alex levantou a mão e colocou a faca de lado, Zac fez o mesmo então os dois começaram a brigar.
Era soco daqui, soco dali. Zac antes mesmo de terminar já estava com um corte na boca e o olho roxo, Alex não menos diferente. Vanessa percebeu então que aquilo não iria ter fim, se aproximou da cadeira onde Zac tinha deixado a arma, pegou e atirou. Ambos pararam, Vanessa suspirou aliviada, foi então que percebeu que Zac não se mexia, será que a bala poderia ter passado por Alex e o atingido? Não

Oie.. Quase você não teriam o capitulo hoje também.. mas graças a BellaLima que completou os 10 comentarios.. (obrigada)
O que acharam?? Gostaram?? Falem a verdade :P
10 Comentarios para o proximo

Happy 4th July
xoxo

sábado, 2 de julho de 2011

Divulgação

Hei..
Esse é o blog da Larissa
Passem lá.. A fic é otima.
xoxo


Capitulo 16

Zac disse a Megan como seria esse plano que teve, Megan então pegou o telefone e ligou para Alex:


 - Oi
 - O que você quer? - perguntou quase gritando 
 - Nossa não posso te ligar mais não?
 - Estou no meio de algo muito importante.
 - Fiquei sabendo que você sequestrou Vanessa
 - Como sabe? Zac te contou aposto?
 - Na verdade sim, ele esta na policia agora - mentiu - Ele acha que vai conseguir fazer alguma coisa, mas garanto que não, certo?
 - Certo, aquele tolo acha que pode comigo? Esta totalmente errado.
 - Mas bem... vou direto ao ponto.
 - O que você quer?
 - Ajudar você a se vingar.
 - Ate parece.
 - Estou falando serio, não de Vanessa, mas de Zac, ela arruinou minha vida, mas com ela ai, terei Zac totalmente para mim.
 - Podemos nos encontra. - disse le.

Alex deu o endereço e Megan disse que estaria lá em meia hora.

 - Esse é o endereço que irei encontrar ele, vá na policia.

Os dois foram lá, fizeram primeiro o BO - boletim de ocorrência - e o policial disse que iria seguindo Megan, ate o local e depois iriam armar uma cilada para Alex.

O lugar onde Alex escondia Vanessa era afastado de todas as cidades, era perto de uma grande fazenda, o local o qual deu para encontrar com Megan era em um restaurante beira à estrada. Quando Alex chegou lá, esperou quinze minutos e Megan chegou, ela aparentava estar sozinho, mas para o equivoco que Alex uma surpresa o esperava.
A conversa entre os dois foi calma, Megan contou seus motivos - falsos - para querer ajuda-lo, todos era bastantes convenceis, então Alex topou a aceitar a ajuda dela, ele estava de moto e foram ate a pequena casa onde Vanessa estava escondida.
Não era bem uma casa, era um barração de fato, dois cómodos, cozinha, banheiro e um grande terreno o qual seria favorável para a ação da policia.

 - Não acredito - disse Vanessa assim que viu Megan entrando.
 - Pode acreditar queridinha - disse

Vanessa revirou os olhos, Megan tinha tudo para querer esta naquela armação de Alex, mas não estava - não de verdade - porque se apaixonou por um surfista à algumas semanas, em certo momento sentiu algo por Alex, devido ao beijo que tiveram, mas aquele ato foi totalmente equivocado, algo momentâneo.

 - Vou sair, comprar alguns mantimento - disse a Megan - Fiquem de olho nela - disse aos dois ajudantes.
 - Sim senhor - responderam juntos

Os dois homens estavam sentados em uma mesa na sala, jogando baralho e bebendo cerveja, Megan estava sentada no sofá em frente a Vanessa, assim que Alex saiu, ela observou a acção dos dois capangas e se aproximou de Vanessa

 - Fique tranquila não estou nisso de verdade - sussurrou - Estou ajudando Zac.
 - Porque?
 - Depois conversamos, mas garanto que em menos de dois dias estará junto à Zac novamente.

Ambas sorriram, Megan disse aos capangas que iria telefonar para à mãe, disse que iria dizer a ela que iria passar umas semanas fora com um amigo, eles concordaram.

 - Como ela esta? - foi a primeira coisa que Zac disse ao atender a ligação
 - Ela esta bem, não esta machucada
 - Graças a Deus.

Zac contou sobre o que a policia pretendia fazer, Megan concordou e disse:

 - Sugiro que façam a noite, será melhor

A conversa durou o pouco mais, Alex chegou encostou a moto e Megan disse:

 - Não se preocupe mamãe, em menos de uma semana estarei em casa novamente. - ela desligou.
 - Com quem estava falando?
 - Com a minha mãe, não queria fazer com que se preocupe, será melhor acha que estou viajando, do que envolvida em um sequestro.

Alex concordou e depois entraram... Vanessa e os capanga estavam do mesmo jeito de antes.
Vanessa estava amarada em uma cadeira, estava com muita dor no corpo por esta naquela posição a horas. Os capangas estavam em uma segunda rodada do jogo de cartas e continuavam bebendo cerveja...

Hihi..  Gostaram???
bubu' faltam menos de 5 capitulos pra fic acabar..
Sabem agora como a Megan esta ajudando ele.
O que sera que vai acontecer hein???
Comentem...
10 Comentario para o proximo.
xoxo

sexta-feira, 1 de julho de 2011

Capitulo 15

Os dias estavam passando. Zac e Vanessa não escondiam seu amor de ninguém, Alex sempre vivia na cola de Vanessa, observava todos seus passos, por mais simples que seja. Certo dia Zac e Vanessa planejavam se encontrar na praia, mas infelizmente aquilo não iria acontecer.
Zac estava sentado em uma barraca na praia, Vanessa estava a menos de dois quarteirões, ela não sabia porque, mas tinha uma ligeira impressão que estava sendo seguida, talvez seja porque realmente estava, só foi ter total certeza quando sentiu algo pressionando seu nariz e depois perdeu totalmente seus sentidos.

A demora de Vanessa estava preocupando Zac era para ela ter chegado a vinte minutos atrás. Ele ligou para o celular dela varias vezes, e todas as vezes que ligava, sempre caia na caixa postal, em todas as vezes ele deixava uma mensagem.

 - Ele esta ligando novamente!
 - Atenda e coloque no viva voz.

Ele então o fez, nenhuma das três pessoas que estavam no carro falaram nada, logo depois ele desligou. Zac logo pensou nas duas pessoas possíveis para querer separa-los: Alex e Megan.
Com o ódio que Alex estava de Zac, ele sabia que era capaz de qualquer coisa, ate mesmo arruinar, sua vida e a deles. Pouco depois o telefone de Zac tocou, ele olhou no visor: Desconhecido. Ele então atendeu.

 - Alo?
 - Oi Zac. - disse Alex
 - Alex? Onde esta Vanessa?
 - Ela esta bem, ate agora - ele riu. - Esta se comportando bem. Ela já sabe o que vai acontecer se não se comportar.
 - Deixe-me falar com ela.
 - Porque? Acho que você merece isso. Sempre que eu me apaixonava por alguém Zachary, você roubava-a de mim. Foi sempre assim, não se lembra?
 - Ei a culpa não é minha
 - Claro que é, você sempre foi melhor do que eu, e quando finalmente achava que seria melhor que você, você me passa para trás novamente
 - Me desculpe
 - Suas desculpas não adiantam - Alex
 - Vamos conversar direito Alex, solte a Vanessa, os pais dela vão ficar preocupado.
 - Não me importo. - ele desligou.

É muito difícil acreditar que seu melhor amigo estivesse fazendo isso, poderia ser qualquer um, menos Alex. Sabia que agora Alex estava com um ódio mortal dele, mas nunca imaginou que ele fosse capaz. 
Megan chegou perto de Zac e disse:

 - Oi, não esta com a Vanessa?
 - Alex sequestrou ela.
 - Como? - disse surpresa
 - Não me diga que não sabia.
 - Não, não sabia.
 - Ah ate parece.
 - Zac, eu não sabia, juro.

Ela disse a verdade não sabia, ele disse sobre a conversa no telefone com Megan e logo pensou que Megan poderia ajudar a salvar Vanessa

 - Você topa me ajudar em um negosso?
 - Em que?
 - É o seguinte...

Em quem o Zac pensou?? heim??
hehe.. Gostaram???
Comentem... (10 comentário ok??)
xoxo